SBPC-SC repudia censura a professores do Estado

“Demitir professores sem justa causa como no ocorrido na Faculdade Ielusc, em Joinville, é uma afronta à Educação e à Ciência catarinenses, assim como às equipes de pesquisa de excelência do Estado”, escreve a Secretaria Regional da SBPC de Santa Catarina em nota divulgada nessa segunda-feira, 24 de outubro

Leia Mais

SBPC repudia atos de violência

“É hora, para além de nossas divisões passadas, de estarmos juntos para pôr fim a esse lamentável capítulo da história brasileira”, escreve a Diretoria da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, ao manifestar indignação com ataques de ex-deputado à ministra Cármen Lúcia e a policiais Federais 

Leia Mais

SBPC defende autonomia do MCTI

“A comunidade científica tem certeza de que a ciência constitui um dos principais, senão o principal, fator no desenvolvimento econômico e, portanto, para nosso País crescer e para termos uma sociedade próspera e solidária seu diálogo com o setor produtivo é indispensável”, ressalta a entidade em nota

Leia Mais

SBPC repudia declaração de deputado do RS contra estudantes universitários

“A liberdade de escolha política é um dos direitos básicos da democracia e uma cláusula pétrea de nossa Constituição, razão pela qual ninguém pode ser punido ou discriminado pela expressão de sua posição política ou partidária”, afirma a entidade em nota. Deputado Bibo Nunes (PL-RS) sugeriu em vídeo que estudantes que protestavam contra contes na educação pública mereciam ser queimados vivos

Leia Mais

A SBPC nas eleições

A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência esclarece que manifestações políticas a favor ou contra quaisquer candidatos feitas por membros de sua Diretoria, Conselho ou, ainda, Secretários Regionais, no uso de seus legítimos direitos como cidadãos, têm natureza privada e não envolvem a entidade, cujo nome não pode ser utilizado em campanhas políticas, conforme rege seu estatuto 

Leia Mais

Repúdio ao veto de Deyse Ventura para Comitê da OMS

O Observatório Pesquisa, Ciência e Liberdade da SBPC e a Articulação das Ciências Sociais afirmam que a pesquisadora reúne todas as credenciais para fazer parte do coletivo que irá atualizar o Regulamento Sanitário Internacional. Na última quarta-feira, a Diretoria da SBPC, em nota endossada pela Abrasco, já havia protestado contra a posição do governo brasileiro: “age de forma puramente ideológica, enquanto a OMS busca escolher entre as personalidades mais qualificadas por sua competência técnica”

Leia Mais
Veja mais