Justiça suspende avaliação em andamento dos programas de pós-graduação pela Capes

Para o presidente da SBPC, Renato Janine Ribeiro, “a ação do Ministério Público e a liminar judicial ignoram a natureza essencial da avaliação dos programas da pós-graduação, que é comparativa”; Presidência da Capes envia nota à SBPC e informa que “está trabalhando com a Procuradoria Federal e com a área técnica no sentido de buscar os elementos necessários para assegurar à Avaliação Quadrienal 2017-2020 a estabilidade e a isenção necessárias aos trabalhos avaliativos”

Leia Mais
Veja mais